quinta-feira, 13 de agosto de 2015

Duas chacinas e sete mortos marcam noite sangrenta no interior do RN

Quatro homens foram mortos a tiros no município de Tibau, na região Oeste do Rio Grande do Norte e três homens foram executados em Serra Caiada, no Agreste potiguar. Os assassinatos aconteceram na noite desta quarta-feira (12). De acordo com a Polícia Militar, duas pessoas ficaram feridas. A polícia realizou buscas nas cidades, mas nenhum suspeito foi preso.
A primeira chacina aconteceu por volta das 20h no bairro da Saudade, em Serra Caiada. Segundo o sargento José Bonifácio Gomes, comandante do destacamento de PM do município, três jovens estavam conversando na frente de uma residência quando foram surpreendidos por suspeitos que chegaram em um veículo preto e sem placa. Dois homens desembarcaram, se aproximaram das vítimas e atiraram.
Dois homens morreram o local. Eles foram identificados como Samuel Rocha Guedes, de 20 anos, e Valdécio Gomes de Sousa, de 28 anos. A terceira vítima, identificada como Fabrício Silvestre da Silva, de 16 anos, foi levado ao hospital da cidade mas não resistiu. Um quarto rapaz conseguiu se esconder em uma casa e não foi atingido. Ainda de acordo com o sargento José Bonifácio Gomes, as vítimas tinham envolvimento com drogas. Uma mulher e o marido dela, que estavam na calçada vizinha, foram baleados. "A mulher foi atingida na barriga. A bala foi retirada e ela passa bem. O marido foi atingido de raspão no braço e ele também está bem", informou o sargento.
O outro caso aconteceu por volta das 22h na rua Erivaldo Clementino de Souza no município deTibau, localizado a poucos metros da divisa com o estado do Ceará. Quatro homens foram assassinados a tiros dentro de uma residência. De acordo com o sargento Caio César Alves, comandante da PM de Tibau, suspeitos invadiram a residência e atiraram contra os quatro homens. Dois foram executados na área, um no quarto e outro na sala da residência. Uma mulher e duas crianças presenciaram o crime.
Pai e filho, mortos na chacina, foram identificados como Rudson Carlos de Araújo, de 40 anos, e Rudson Carlos de Araújo Filho, de 18 anos. De acordo com a PM, Rudson Carlos de Araújo tinha passagem pela polícia por porte ilegal de armas. "Eles tinham chegado a pouco tempo em Tibau. Eles eram de Mossoró e, provavalmente, estavam fugindo de desafetos", informou o sargento.
A Polícia Civil de Mossoró vai investigar a chacina em Tibau. O caso de Serra Caiada será investigado pela Polícia Civil de Tangará.