quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

HOMEM É PRESO APÓS SER FLAGRADO SE MASTURBANDO NO HOSPITAL DE TIBAU


Um homem, sem documentos de identidade, e se dizendo ser do Maranhão, foi preso pela Polícia Militar, após ser flagrado por uma enfermeira, se masturbando dentro do Hospital de Tibau, no litoral potiguar.

Ele teria ido ao hospital para pedir que os profissionais da saúde localizassem seus familiares, que supostamente seriam maranhenses e estariam perdidos na região. Contudo, o ato obsceno foi constatado.

Os policiais conduziram o homem à Delegacia de Plantão de Mossoró para que sejam tomadas as providências cabíveis na lei. De acordo com o Artigo 223 do Código Penal Brasileiro (CPB), a prática de ato obsceno se constitui crime. A pena pode ser a detenção de três meses a um ano, ou multa.