terça-feira, 2 de dezembro de 2014

ANTES DE MORRER, MENINO PEDE PARA MÃE DOAR SEUS BRINQUEDOS


Um menino de cinco anos da cidade de Alberstville, Alabama, causou comoção em sua mãe por pedir para que ela doasse todos os seus brinquedos às crianças carentes na África horas antes de morrer por uma picada de aranha no último domingo. As informações são do Daily Mail.
Segundo contou a mãe de Branson Riley Carlisle, Jessica, a criança estaria estreando seu pijama novo quando sentiu uma picada no seu ombro por volta das 9h30 da manhã locais. Pouco depois, a americana encontrou uma aranha marrom e, sabendo sobre os perigos que podem oferecer, levou seu filho ao Centro Médico Marshall South, em Boaz.

Para acompanhar a evolução da picada, Jessica conseguiu tirar três fotos – em intervalos de algumas horas. Ela revelou as imagens para conscientizar outros pais sobre os perigos de picadas de aranhas.
Após cerca de nove horas da picada da aranha, a terceira imagem revela uma ferida e a inflamação em torno dela, bastante inchada. Até este momento, Branson estava consciente e com febre. Os médicos o trataram com antibiótico, esteróides e medicamentos para dor e febre e o transferiram para o hospital infantil Huntsville para Mulheres e Crianças.

Neste momento, a picada começou a ficar com um aspecto pior, tornando-se azul e preta. A condição do menino piorou e ele começou a sentir dores na cabeça e barriga, então foi para a UTI receber oxigênio e melhores cuidados. “Quando estava na maca indo para a UTI, ele ainda conversou com o médico, continuou a brincar como um menino de cinco anos”, contou a mãe.

Apesar do cuidado hospitalar, por volta das 23h30 locais, Branson sofreu uma parada cardíaca e faleceu. “Nunca vi tantos médicos em um só quarto. Então, a enfermeira veio pelo corredor e se sentou comigo. Disse que seu coração havia parado e que eles haviam tentado uma ressureição por dezessete vezes. Então, eu sabia que não havia mais nada para ser feito por ele e pedi para que parassem”, disse Jessica.
Agora, para tornar a morte do filho em algo menos doloroso, a americana afirma que deseja realizar o último desejo dele e vai doar todos os seus brinquedos para que outras crianças possam brincar.
FONTE: TERRA