quarta-feira, 5 de novembro de 2014

CONSUMIDORES PODEM LIMPAR NOME NO FEIRÃO DA SERASA QUE COMEÇA NESTA TERÇA

Começa nesta terça-feira (4) o Super Feirão Limpa Nome, evento organizado pela Serasa que vai reunir empresas para negociar dívidas dos consumidores com descontos e condições de pagamento especiais que podem chegar a 95%. O evento deste ano vai até 14 de novembro por meio de uma versão on line, que permitirá atender pessoas em todo o País pela internet. A versão presencial será realizada em São Paulo, até o dia 8.     O Limpa Nome Online é um serviço gratuito e aberto 24 horas, disponível durante todo o ano. Mas o Super Feirão, o Limpa Nome Online facilita a negociação ao reunir muitas empresas de diferentes setores, oferecendo descontos especiais. A iniciativa permite que consumidores de todo o Brasil renegociem diretamente com os credores, sem sair de casa e de forma gratuita.
Segundo a Serasa, empresas de vários segmentos já estão confirmadas para participar e a adesão continua crescendo com a entrada de novas instituições. São elas: Banco do Brasil, Bahamas Card, Banco Cetelem, Banco da Amazônia, Banco Industrial do Brasil, Banco Itaucard, Banco Mercantil do Brasil, Banco Pan, Carrefour, Credsystem, Deva Veículos, EDP Bandeirante Energia, EDP Escelsa, Eletrobrás Distribuição Acre, Eletrobrás Distribuição Manaus, Eletrobrás Distribuição Roraima, Financeira Itaú CBD S/A, GVT, Hipercard ADM Cartoes Crédito, HSBC, Intelig, Itaú, Itaú Unibanco Financeira S/A, Itaucred, Leader Card, Losango, Luizacred S/A, Manaus Ambiental, OI móvel, OI S.A, Omni Financeira, Porto Seguro Cartões, Portocred, Recovery, Santander, Santander Financiamentos, Supermercado Bahamas, TIM celular e Vivo.

Para participar, basta entrar no link: www.serasaconsumidor.com.br/limpa-nome-online/ e preencher um cadastro. Após isso, o consumidor será levado a uma página onde são listadas todas as empresas do Limpa Nome Online com as quais ele possui alguma dívida pendente e que constam na base de dados da Serasa.
Todas as propostas são apresentadas pelas empresas credoras de forma individualizada. (Algumas empresas disponibilizam canais de atendimento com horários específicos de funcionamento). O consumidor deve se preparar antes de negociar, colocando na ponta do lápis todas as despesas fixas e as dívidas já assumidas ou previstas.
FONTE: JORNAL DE FATO